China: Os surpreendentes fatos sobre o dragão asiático que nunca te contaram!

Cara, não é de hoje que a China tá ocupando o noticiário internacional devido ao seu crescimento impressionante. Taxas de crescimento do PIB, de dez ou onze por cento por ano impressionam. O problema é que quase ninguém se pergunta como eles conseguem isso…

A China, apesar de cinicamente afirmar ser um país comunista, funciona hoje como uma selva capitalista. Os direitos trabalhistas lá são uma piada e a legislação ambiental não existe. Fica bem mais fácil as empresas terem lucro desse jeito.

Vamos lá, vou tentar ser didático.

 

APENAS UMA ENGRENAGEM NA MÁQUINA, A DESUMANA VIDA DE UM OPERÁRIO CHINÊS

 

Qual é um dos fatores mais importantes para o crescimento de uma economia nacional? Crescimento de produção, certo? E quem produz numa economia nacional? Basicamente empresas, estatais e privadas (o Estado não produz renda, no máximo distribui e famílias quando produzem algo, agricultura familiar por exemplo, no “economiquês” começam a contar como empresas). Logo, quanto mais as empresas produzem, mais elas podem vender e quanto mais elas vendem mais o governo arrecada em impostos e redistribui pela economia, correto? Logo, quando mais produção nas empresas, mais crescimento na economia.

E o que faz as empresas produzirem mais? Resposta? Lucros. Não falo apenas do lucro que vai pro bolso do empresário, mas lucro total da empresa, que em sua maioria é revestido na capacidade produtiva da própria empresa. Seguindo este raciocínio, concordam comigo que uma empresa que não tem lucro não se expande? Se ela começa a ter dívidas, ela começa a cortar gastos e não investe em aumento de espaço físico, compra de novas máquinas, contratação de mais pessoal etc. Logo, o lucro das empresas é extremamente importante e benéfico para economia como um todo.

Por que todo mundo hoje quer fechar parques produtivos nos seus países de origem e mudar pra China? Porque tudo lá é muito fácil. A carga horária semanal de trabalho na França é de apenas 35 horas por semana, o salário mínimo federal nos Estados Unidos é de 5,85 dólares por hora, se não me engano (em alguns estados o salário mínimo é de mais de oito dólares).

Salário mínimo na China? Ãhn? Direitos trabalhistas? Como? Direito de greve? Saúde pública? Não existem hospitais públicos na China. Andei pesquisando pela internet e parece que até existe uma legislação trabalhista na China que fala em salário mínimo, mas na realidade ninguém nem sabe o que é isso… Vários chineses já me falaram como funciona na prática a situação por lá. Salário mínimo ninguém nem sabe o que é, greve é resolvida na bolacha e se você ficar doente é bom que você fique logo bom, porque senão o cara te joga na rua sem nada no bolso (Como dizia um amigo meu chinês “Na China tudo é muito barato, inclusive vidas humanas”). Sem falar que não é raro acontecer do cara não receber e não ter a quem recorrer.

 

MEIO AMBIENTE: PREOCUPAÇÃO DE VEADO. DE ONÇA. DE CAPIVARA…

Outro fator que, como disse o Paulinho da Força Sindical, antes era “preocupação de veado” e que continua sendo “preocupação de veado” na China, está relacionado ao meio ambiente. Você pode achar que é pouco, mas, segundo o Banco Mundial, das nove cidades com piores níveis de qualidade do ar, quatro são indianas e três são chinesas (http://siteresources.worldbank.org/DATASTATISTICS/Resources/table3_13.pdf). A China, apesar de ter uma economia bem menor que a dos Estados Unidos, já ultrapassou os EUA em emissão de gás carbônico. Logo, qual o preço desse crescimento descontrolado?

 

E O MOTIVO TODO MUNDO JÁ CONHECE, É QUE O DE CIMA SOBE E O DE BAIXO DESCE

 

Andando por Hong Kong e Macau, fiquei impressionado com o desenvolvimento humano dessas duas regiões administrativas, sobre como duas regiões chinesas conseguiram atingir um nível de vida semelhante ao europeu. Hong Kong possui um índice de desenvolvimento humano maior que a Alemanha, Macau um pouco menos, mas ainda assim mais que a Coréia do Sul.

Depois lendo um pouco mais sobre os dois, acabei descobrindo que estas duas regiões são nada mais do que a retratação perfeita do crescimento chinês. Por que Hong Kong e Macau podem ter uma qualidade de vida européia enquanto a China continental uma qualidade semelhante à da Armênia e do Suriname? Simples, concentração de renda!

Estas duas regiões administrativas são dois portos de entrada extremamente importantes na China hoje, devido ao seu caráter absurdamente liberal. Como já expliquei pra vocês, é bem fácil conseguir um visto pra Hong Kong e Macau. Isso acaba fazendo com que um país que possui o quarto maior PIB do planeta, possua grande parte de suas transações concentradas em duas regiões. Criam-se duas ilhas de desenvolvimento em território chinês, barra-se a entrada para chineses continentais e assim vai caminhando a humanidade. Só pra vocês terem uma idéia do que falo, saca só a curva de concentração de renda da China desde que eles iniciaram esse surto de crescimento.

Tudo bem, sei que a concentração de renda no Brasil é bem pior do que na China, mas pelo menos hoje estamos crescendo 5% com distribuição de renda e outras benesses. Por isso que é uma imbecilidade muito grande defender este tipo de modelo de crescimento para o Brasil, baseado apenas no fato de que precisamos crescer mais. No Brasil várias legislações não funcionam, mas pelo menos três eu sei que funcionam muito bem: trabalhista, direito do consumidor e desportiva (o Romário que o diga!). Quem já foi posto na justiça por empregada doméstica sabe muito bem do que eu tou falando.

 

ENTÃO, VALE O PREÇO?

 

Outro fator que também não tem como comparar é a nossa legislação ambiental com a deles. A hidrelétrica da Ponta do Madeira na Amazônia é um dos mais grandiosos e impressionantes projetos de engenharia já realizados, a menina dos olhos de ouro do governo Lula, mas até eu sair do Brasil não tinha começado a ser construída. Por quê? O IBAMA não tinha liberado o início das obras e não ia liberar enquanto não achasse que a usina causaria o mínimo impacto ambiental possível. E enquanto o IBAMA não liberar, pode vir Lula, Bush e o que for, mas não começam as obras.

Crescimento a qualquer custo com supressão das liberdades individuais e sem democracia nós já tivemos. Os anos negros da ditadura militar foram anos de um surto de crescimento que não víamos desde a era Vargas, mas foi baseado em que? Arrocho salarial, concentração de renda, supressão de liberdades individuais, censura e legislação ambiental frouxa. Exatamente como a China hoje. Crescemos? Sim! Desenvolvemos? Sim! Mas qual foi o preço pra isso?

Eu só acho engraçado que a mesma esquerda que lutou contra o governo militar brasileiro, hoje apóia um governo assassino e fascista, apenas porque ele diz que é comunista. É como disse o Dalai Lama outro dia, um modelo de crescimento baseado na exploração de mão-de-obra escrava não vai se sustentar pra sempre…

Gostou do post? Então curta nossa página no www.facebook.com/omundonumamochila para sempre receber atualizações.
Quer entrar em contato direto com o autor ou comprar um livro? Clique aqui e tenha acesso ao nosso formulário de contato!
Quer receber as atualizações direto no seu e-mail? Cadastre-se na nossa mala direta clicando na caixa “Quero Receber” na direita do blog
Se gostou das fotos, visite e siga nosso Instagram para sempre receber fotos e causos de viagens: www.instagram.com/omundonumamochila

3 comentários em “China: Os surpreendentes fatos sobre o dragão asiático que nunca te contaram!

  1. Oi, tudo bom?Olha admirei muito seu conteúdo, não é sempre que a gente encontra tanto conhecimento e tanta dinâmica. Além de ter me garantido conhecimento seu trabalho me ajudará bastante na prova sobre os Tigres Asiáticos amanhã. Admirei muito você e seu conhecimento.Valeu, um abraço! =D’De:Thaís Alves.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s