Imoral

Galera, tava dando uma volta pela internet quando me deparei com esse genial artigo do senador Cristovam Buarque (PDT-DF). Ele faz uma análise da situação atual de nossa nação e como no nosso dia-a-dia aceitamos vários absurdos sem nos questionar. Se tiverem cinco minutos livres, vale a pena desligar um pouco a TV e dar uma lida abaixo:


No Brasil, é normal seus dirigentes serem vistos e sentirem-se como casta, com privilégios muito além dos direitos aos quais o povo tem acesso. Os serviços de saúde e educação à disposição das famílias dos eleitos são completamente diferentes daqueles dos seus eleitores. Ninguém se espanta com o fato de o teto do salário no setor público ser 25 vezes maior que o piso salarial do professor – cujo valor, apesar de tão pequeno, até hoje, um ano depois de sancionado, ainda é contestado na Justiça, como inconstitucional.

É visto como natural que a parcela rica do Brasil tenha o maior índice de cirurgias plásticas de rejuvenescimento em todo o mundo e a parcela pobre não tenha acesso nem mesmo às mais fundamentais operações; que os 10% mais ricos tenham esperança de vida de 72 anos e os 10% mais pobres de apenas 45 anos. Todos aceitam que milhares peçam esmolas para comprar comida e remédios que enchem as prateleiras de farmácias e supermercados.

Considera-se normal que os 1% mais ricos da população recebam 20,5% da renda nacional e os 50% mais pobres recebam apenas 13,2%; que 19% das casas não tenham água encanada e 51% não tenham saneamento ou esgoto. Aceitamos que 50 milhões dependam de ajuda no valor de R$182 por mês para a sobrevivência de toda a família, R$6 por dia, sem chance de trabalho com salário digno.

Se quiser ler o texto inteiro, favor clicar no link abaixo:

http://www.almacarioca.net/imoral-cristovam-buarque/

Em tempo, Cristovam Buarque foi o senador responsável por um projeto de lei obrigando aos senadores matricularem seus filhos em escolas públicas. Logicamente o projeto não foi sequer votado, mas serviu de protesto para o descaso que hoje tratamos a educação no Brasil.

Sem dúvidas, junto com o Suplicy, um dos maiores parlamentares em atividade no país.

Amanhã vou tentar postar um vídeo feito em Praga.

6 comentários em “Imoral

  1. Velho, nem li ainda ainda mas quase com certeza gostarei! Até hoje não lembro de ter lido/ouvido nada que não aprovasse vindo do Cristóvão.

    Não é a toa que meu último voto para Presidente foi para ele.

    Quando ler inteiro, posto comentando algo.

    Abraços

    Curtir

  2. Dito e feito.

    O texto do Cristóvão é excelente. Tipo, um soco no estômago quando pensado a fundo em como nossa sociedade é desumanamente desigual.

    E a tradição se mantém. Ainda não li/vi nada que não gostasse vindo dele.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s