Comentários Comentados

Galera, mais uma vez desculpas por todo esse tempo sem postar.
Até o Bruno Bononi veio reclamar, como vocês podem ver aqui nesse postDomingo agora foi meu concurso, a batalha final. Como nao podia deixar de ser essa ultima semana foi um inferno e por isso nao deu pra eu postar nada. Alem disso, meu computador pifou e fique impossibilitado de postar. Instalei o Windows 7 nele e o bichinho ta rodando bem que um danado. Vou tentar pelo menos por algumas semanas retomar a normalidade dos posts. Devido ao grande numero de mensagens acumuladas, resolvi fazer uma sessao de comentarios comentados antes de postar sobre Praga.

1- Renato fez um CAMALHAÇO de perguntas:

Renato has left a new comment on your post “Comentário Comentados“:

Claudiomar, vou fazer ma viagem como a sua, então se vc puder me tirar umas dúvidas, ia ajudar muito.
1- Para ir de um país para o outro, como você fazia para conseguir os vistos? em cada país, vc ia na embaixada do país seguinte? como descobria onde ficavam as embaixadas? tem algum site com essas informações? por exemplo, se vc tava no vietnã e o próximo país seria o nepal, como você descobria onde conseguir o visto para o nepal?
2- quais foram todos os pontos de escala da sua passagem de volta ao mundo? não consegui achar n os arquivos…
3- além do japão, vc sabe de outro país que seja preciso tirar o visto aqui no brasil?
4- tem como vc fazer um resumo do que tinha na sua mala? por exemplo, vc ia lavando suas roupas toda semana? porque imagino que vc não tenha levado um monte de camisetas, meias e cuecas…
Enfim, desculpa as perguntas que pra vc podem parecer bobas, mas tô com essas dúvidas, e como minha viagem vai ser muito parecida com a sua, ninguém melhor que vc pra tirar essas dúvidas…
valeu desde já… e aguardo tua ajuda… abraço

a) – Renato, a maioria dos paises que visitei eu nao precisava de visto. Quando precisava, eu tirava na fronteira ou no aeroporto mesmo. Os unicos paises que eu precisei tirar visto com antecedencia foram os EUA, Vietna, India e Jordania. Mas isso é de boa, é só você ir em qualquer agência de turismo no país que você estiver que eles te informam certinho e te ajudam com isso.
b) – Escalas? Éguas cara… As 15 cidades que da minha passagem de volta ao mundo foram São Paulo- Los Angeles – Honolulu – Seul -Hong Kong – Bangkok – Delhi – Estocolmo – Varsóvia – Istambul – Capital da Eslovênia – Viena – Cairo – Zurique – Barcelona – Portugal – Brasília
c) – Tirar visto daqui do Brasil só o Japão mesmo
d) – Resumo da minha mala? Uma camisa de frio, uma calça jeans, cinco pares de meias, três calções, cinco camisas, sete cuecas, produtos de higiene pessoal, passaporte e livrinho de anotações.

2 – Mariana perguntou:

Nada a ver com o post, mas queria te perguntar uma coisa…
Estou indo pra India sozinha em outubro e queria saber se vc acha tranquilo eu viajar sozinha por lá. Já ouvi algumas histórias, mas será que tenho motivos pra me preocupar?
Desde já agradeço!
E parabéns pelo blog!

R – Mariana, as pessoas cansam de me perguntar isso e eu canço (canço com ç mesmo. Fui alfabetizado em inglês) de responder. Perigoso é o Brasil. Conheci dezenas de meninas viajando sozinhas pela Índia e elas me disseram que nunca tiveram problemas algum. O máximo de problemas que ocorreram com elas foram de alguns indianos querendo dar em cima delas, mas nunca de assédio sexual forte. Motivos pra se preocupar? Os únicos motivos que você deve se preocupar são com os lugares que você vai dormir, se são higiênicos, e, principalmente, com o que vai comer. Há uma piada que os mochileiros que viajam pra Índia contam que diz que em menos de uma semana na Índia já é possível conhecer a tal da “Delhi Belly” (barriga de Delhi), que é uma dor de barriga miserável que as pessoas costumam pegar assim que começam a comer as comidas da Índia e do Nepal. Mas tirando isso, não há muito do que se preocupar, apenas prepare-se para as dezenas de golpes que as pessoas tentarão aplicar em você todos os dias.


Bruno Bononi
I’m back!!!

\o/

Velho, de boa, eu tenho várias teorias mal formatadas sobre essas preserpadas envolvendo pessoas com dois cromossomos X:

i) Todas essas paradas aconteceram de verdade, mas você não publica no teu blog para não ficar veio para (ou com a ) tua patroa [sendo que ela sabe das histórias];

ii) As paradas aconteceram, tu pegou as minas, mas fica de bico fechado para a sua moça não descobrí-las;

iii) As paradas não aconteceram p. nenhuma e tu só faz graça aqui com os leitores para pagar de maranhense sexy latino…

iv) Tu narrou os acontecimentos exatamente como ocorridos (há!), demonstrando assim ser um homem de grande caráter, mas cujo saco deve estar latejando de dor desde então…

hehehehehe

Sério, por mais que tu não quisesse nada, teu organismo responde de uma maneira pré-programada e qualquer homem sabe qual a sensação (biológica) de ficar numa belo vácuo, no sentido depravado da palvra.

Eu pessoalmente acredito mais na teoria 4. 😉

Abraços fia.

Ps. postei na tua comu do orkut.

Ps2. O retorno triunfante aos comentários pede comentários gigantes. ^^;

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s