San Andres – Entendendo mais sobre a ilha colombiana

San Andres é uma ilha colombiana no Mar do Caribe.
Devido à dificuldade em se atracar, a pouca área agricultável e a distância da costa, ela foi parcamente povoada antes da chegada dos europeus.

Um dos vários navios encalhados em San Andres que você pode ver hoje. Dá para ver que até hoje não é fácil atracar por lá
Acredita-se que tenha sido visitada já por navios da esquadra de Colombo e, inicialmente, ela ficou sob jurisdição da Capitania Geral da Guatemala, porém depois foi transferida para a Colômbia. Como a Nicarágua “herdou” o legado da Capitania da Guatemala ela até hoje reclama a soberania de San Andres.
Como a Coroa Espanhola não se preocupou muito em colonizá-la, os britânicos “tomaram” a ilha importando escravos da África e pela própria movimentação voluntária de massas de imigrantes. Obviamente impuseram o inglês e a religião protestante, ainda que os escravos tenham conservado seus dialetos e credos africanos. A Espanha decide reconquistar o lugar e logra êxito, porém permite que os ingleses fiquem no local desde que jurem fidelidade a Coroa Espanhola. Assim, ficou algo estranho: uma ilha que falava inglês e criolo (mistura de inglês e línguas africanas) em que a população tinha características do Caribe inglês, mas que era parte da Espanha e posteriormente da Colômbia.
Após a independência do Panamá, que era parte da Colômbia, houve uma preocupação maior dos colombianos em consolidar a soberania em todo seu território. A migração para San Andres foi incentivada. Na década de 50, o presidente Gustavo Rojas achou que seria uma ótima ideia conceder incentivos fiscais à ilha para, assim, dinamizar a sua economia e o turismo. Houve uma migração em massa das regiões pobres colombianas e de imigrantes do Oriente Médio, principalmente de libaneses e sírios (que os locais chamam genericamente de “turcos”), para a ilha. Hoje a população nativa, que é chamada de raizal, tornou-se minoria dentro de sua própria ilha, sendo por volta de 30% da população do local. Os outros são os “turcos”, como eles chamam os sírios e libaneses, e os “continentais”, como eles chamam os colombianos.
Mesquita em San Andres
Gostou do post? Então curta nossa página no www.facebook.com/omundonumamochila para sempre receber atualizações.
Quer entrar em contato direto com o autor ou comprar um livro? Clique aqui e tenha acesso ao nosso formulário de contato!
Quer receber as atualizações direto no seu e-mail? Cadastre-se na nossa mala direta clicando na caixa “Quero Receber” na direita do blog
Se gostou das fotos, visite e siga nosso Instagram para sempre receber fotos e causos de viagens: www.instagram.com/omundonumamochila

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s