Chegando à Bélgica

Da Bélgica posso falar que conheço o país desde criança devido aos Marabelgas (link Marabelgas), uma geração de maranhenses que jogava no país. Teve um que fez tanto sucesso por lá, que virou um dos principais jogadores de futebol da Bélgica, inclusive jogando por lá, o Luis Oliveira, que por lá virou “Oliverrá”.

Oliverrá fez tanto sucesso que jogou pelo Fiorentina dividindo o ataque com Edmundo e Batistuta e inclusive jogou pela Bélgica na Copa do Mundo de 2011.

E BRUXELAS? É LEGAL POR LÁ?

Depois de dar um rolê por Istambul. Peguei meu metrô de volta e segui para Bruxelas para encontrar o Marino.

E aí? O que posso falar de Bruxelas? Cara, sinceramente, não vi muita coisa interessante por lá. Bruxelas para mim segue aquele script de “Cidade europeia bonitinha parecida com um conto de fadas e limpinha”, mas sem muitas atrações que eu possa discorrer. Assim, a primeira cidade europeia assim que você conhece, é até bacana, mas depois de tanto viajar pela Europa, não vi muita coisa digna de nota. Está longe de ser uma Roma, uma Istambul ou uma Barcelona, por exemplo.

Obviamente, é uma cidade MUITO organizada, segura e limpa, um ótimo lugar para morar e, principalmente, para quem ama comer em bons restaurantes. Porém, isso nunca foi a minha principal atração ao viajar. Outra coisa que Bruxelas é famosa é por conta das cervejas. Aí sim, mano, se você gosta de beber, lá parece ser o melhor lugar do mundo. Infelizmente não tou mais bebendo, então mais um motivo pelo que me sobrou muito pouco a dizer e fazer por lá.

Visitei alguns centros turísticos e uma história que eu posso falar que foi engraçada foi quando eu tava meio perdido e vi uma família andando de bobeira por lá. Comecei a tentar falar em inglês com eles perguntando como fazia para chegar no metrô, eles respondiam em francês e fomos nessa batalha se entendendo do jeito que dava. Depois de uns dez minutos que fui me tocar que eles eram portugueses. Demos risadas e começamos a falar em português mesmo.

Graças a Deus passei pouco tempo e não tive muito contato com belgas, assim não conversamos sobre Copa do Mundo. Com certeza seria bem zuado! Ainda assim, ainda fui testemunha da chegada como heróis da seleção belga de futebol. Os caras estavam comemorando o terceiro lugar quase como se tivessem ganho a Copa do Mundo. Foi bem da hora.

20180715_14241220180715_16473420180715_181052cvgfgdfgdsfgdfgfdsddsgdfgfdgsfdfgdfgdfgfgsdfgdfgdfsgfdsdfgdfgfdsIMG_9560IMG_9552IMG_9550gdfgdfgdfgsdffgdfgdfsgdfsfgdfgdfgdfgdfgfdgsdfgfdgdfgfdegfgdfgdfsdsfgdfgfdsgdfgdsdgfdgfgfdsdfgsdgdfgfgsdfIMG_9561IMG_9562IMG_9563IMG_9570IMG_9573IMG_9585IMG_9586IMG_9592IMG_9604IMG_9605sdfgdfgdfgdfs

Gostou do post? Então curta nossa página no www.facebook.com/omundonumamochila para sempre receber atualizações.
Quer entrar em contato direto com o autor ou comprar um livro? Clique aqui e tenha acesso ao nosso formulário de contato!
Quer receber as atualizações direto no seu e-mail? Cadastre-se na nossa mala direta clicando na caixa “Quero Receber” na direita do blog
Se gostou das fotos, visite e siga nosso Instagram para sempre receber fotos e causos de viagens: www.instagram.com/omundonumamochila

Um comentário em “Chegando à Bélgica

  1. Bruxelas tem o azar de se ter tornado numa cidade demasiado “séria” com todas as entidades políticas europeias que lá se instalaram. Mas das duas vezes que lá estive, a opinião que formei é que não é assim tão desinteressante quanto possa parecer, além de que é preciso ter sorte com o clima, porque a chover tudo perde o seu encanto..

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s