Acabou?

Olá amigos
Depois de um tempo sumido venho ao mundo novamente para escrever esta que será definitivamente a última postagem do nosso blog. Primeiro gostaria de pedir perdão por toda esta demora na postagem, gostaria de explicitar que tudo ocorreu pelo fato de eu não estar com nenhum computador ao meu alcance e as novidades e histórias engraçadas simplesmente acabaram. Mas vamos começar o blog.
Vindo da África do Sul, desembarquei diretamente no aeroporto de Guarulhos em São Paulo. 

Aproveitando que já me encontrava naquele estado resolvi dar uma passada em São José dos Campos pra poder fazer uma visita aos meus tios, primos e, claro, ao meu irmão que agora está estudando no Poliedro. Reunimos uma galera massa na casa de tia Cláudia e foi uma emoção só. Como sempre acontece quando chego na casa de tia Cláudia aproveitei pra poder lavar a burra e comi que nem uma manada de elefantes famintos. Depois de quatro dias em São José dos Campos, peguei um ônibus pra Brasília pra poder deixar parte das minhas malas e fui convidado para um churrascão na casa

dos Paloschi. Foi muito massa, pude reencontrar uma galera de Brasília que eu não via há algum tempo e também matar a saudade de um bom churrasco gaúcho. Só tenho uma coisa a dizer: PALOSCADA, OBRIGADO PELO CHURRASCO, EU AMO TODOS VOCÊS!!!

De Brasília pude seguir pro Maranhão pra poder passar mais 3 semanas por lá e poder reencontrar minha família, meus amigos e zoar pacas com a galera. Foi bem da hora. Eis que do nada, sou surpreendido por uma proposta. Meu pai me liga no celular e me explicita que iria ocorrer um casamento de uns irmãos de uns primos de um vizinho da minha madrinha na Paraíba e que por ocasião disto havia uma vaga em um ônibus que estava indo pra Paraíba. Meu pai me ligou pra saber se eu queria ir. Resposta? Claro que sim!!! Pegamos o busão e viajamos quase 1300 km em direção ao interior da Paraíba aonde pude rever meu avô e meu glorioso primo Marcelo que há algum tempo eu não via. Voltei pra São Luís e pude passar mais alguns dias com uma pessoa super especial, uma pessoa que, apesar de apenas termos passado 2 semanas e meia juntos, parecia que estava com ela há pelo menos alguns anos. Que pena que tão rápido como ela apareceu, tão rápido também o tempo e a distância fizeram questão de nos separar.
Hoje estou aqui, Brasília, capital do meu país e cidade de pedra encravada no meio do Planalto Central. Muito estranho pensar que até um mês atrás quase ninguém no meio da rua entenderia alguma palavra em português. Parece que foi ontem que era possível eu pegar um 380 Bondi Rd e descer na Penkivil pra poder subir naquele apartamento onde passei grande parte dos momentos mais felizes da minha viagem. Apartamento em que um amigo meu baiano, que atendia pelo nome de Neto, a todo tempo, enquanto jogávamos winning eleven, reclamava : “Goleiro Mamão esse!! Tá vendo? Vocês só ganham porque eu só tenho goleiro Mamão!!!” ou então “Recobbiitaaa, olha Recobittaa, segura ele!!” ou “O Fred só faz gol igual, tá vendo? Ele só faz gol na diagonal”. Saudades do Fred enchendo o saco pra gente jogar uma partidinha “Só uma Maranhão, só uma!! Eu pego a Ucrânia pra você!! Olha o Schev, segura o Schev!!”. Saudade de chegar naquela casa e me deparar com aquele sorriso doce da Grazi me recebendo (ou reclamando que eu só ia na casa dela quando ela estava trabalhando) ou então com aquela simpatia que só a Fernanda conseguia emanar. E aquele apartamento situado na Old South Road (acho que é isso)? Apartamento que me obrigava a já estar apto tanto fisicamente como psicologicamente a noites e noites de pura Esbórnia. Yves, Bi, Didi, Gordo, Arthur e Edu… Brothers que fiz e que zoamos várias vezes como poucas vezes zoei em toda a minha vida!! É cara, às vezes dá saudade das baladas e das vezes que saímos juntos, do Yves fazendo aquelas caretas indescritíveis e até dos dias em que a gente não queria fazer nada mesmo, só ficar jogado no carpete escutando Zeca Pagodinho ou então quando descíamos pra surfar. Saudades do jeito rabugento do Alex, cara super gente fina que me arrependo de não ter gastado um bocado a mais de tempo com ele, um amigo como aquela não se acha por toda hora. Saudades de zoar a Gi. Vontade de voltar no tempo pra presenciar as enrascadas que o Fábio insistia em se meter. Saudades da Karoline, a polonesa do vestido com café, e dos vários momentos que passamos juntos, polonesa super gente boa. Ainda tento imaginar, se até hoje, o Jú e o Mateus ainda acordam meia noite e saem pegando as suas vanzinhas pra poder entregar os seus doces por essa Sydney imensa. Ou então do Jonnhy e do Mustafá pirando pra poder dar conta de todos os pratos que apareciam freneticamente pra poderem serem lavados. Da galera do trabalho, do Michael, do Jun, da Fiona e companhia. E claro, coisas que eu achava que nunca ia sentir saudade, tais como aquela casa empoeirada e cheia de barata que vivi. Sentir saudades do Penny, aquele chinês fedorento e porco, mas que muitas vezes era super engraçado. Sinto saudades do June, coreano ingênuo que batia na porta pra pedir rice cooker. Saudades do Patrick, sueco super gente fina. Saudades do Tommy falando só de mulher o tempo todo. E claro, muitas saudades de morar com meu amigo Macarrão, meu amigo Jonas. Cara, quantas vezes nos divertimos juntos, nos ajudamos mutuamente (e se levar em consideração os últimos dias, ele me ajudou MUIITOO mais do que eu ajudei ele, obrigado, grande amigo e parceiro de viagem, obrigado Jonas), e quantas vezes nos DESESPERAMOS JUNTOS a cada golpe que aquela vida louca vida nos aplicava em Sydney (cara, e como a gente se desesperou, aquela chinesa quase matava a gente toda semana). Tivemos vários momentos pirados: Jonas me colocando pra dormir numa sala de um apartamento com um indiano fedorento e um japonês “I-see-dead-people”, eu e o Jonas andando desesperado por Sydney procurando casa, depois de arrumar casa, desesperados procurando emprego, a gente querendo o colo da mãe ou do pai e da mãe nos momentos mais desesperadores, eu sendo roubado e o Jonas me emprestando a grana pra me ajudar…
Cara, como dá saudade às vezes, saber que momentos como esses nunca mais se repetirão, nunca mais acontecerão novamente e provavelmente muitas dessas pessoas eu nunca mais tornarei a ver na vida. Mas a vida é assim, uma realidade que termina com uma realidade que agora está apenas começando. Lá estou eu novamente, voltando pra Brasília, pra UnB. Universidade precária, professores variando de picaretas a carrascos, amigos variando de crentes devotos a traficantes de maconha, mas também voltando pra galera massa daqui, meus amigos que há muito tempo não via: Emanuelzinho, Tarso Gorilão, Jonas, Brunão, Welton, Luciano, a galera do mochila rosa e etc… Essa vida só me faz sentir saudade a todo momento, mas de boa, hora de terminar o blog, a vida recomeça e eu estou atrasado pra aula do Pio.
Abraços maranhenses
obs: pra terminar tinha que ter uma foto clichê minha com um canguru, né?

6 comentários em “Acabou?

  1. vc teve razão… gostei mt mesmo =)Deus te abençoe sempre e saiba q podes contar cmg.. podemos ser assaltados juntos várias vezes ainda se Deus permitir.. =PAmigos são pra essas coisas.. =DBeeeeeiiiijooossss…May…. pode pensar assim, fofinha mesmo.. ;)=************

    Curtir

  2. O teu Blog é um dos melhores que eu já li, infelizmente só o descobri a cerca de 2 semanas e ele já vai acabar. Você parece ter uma maneira muito especial, positiva, de ver a vida e quando você escreve transmite isso. Quero desejar-te muitas felicidades, e um grande recomeço ai no Brasil.Um abraço,MarceloPorto – Portugal

    Curtir

  3. Meu garoto, Continue com a suas prosopéias de onde você estiver, você pode contar o seu cotidiano que lhe garanto que é sucesso

    Curtir

  4. hlmbcfjof
    http://www.woolrichitalystore.com/ woolrich
    http://www.mywoolrich.com/ woolrich italia
    http://www.woolrichsitaly.com/ woolrich outlet
    http://www.woolrichsalecheap.com/ woolrich parka
    http://www.woolrichitalyshop.com/ woolrich eskimo
    woolrich uomo
    woolrich
    woolrich bologna
    woolrich modelli
    woolrich eskimo
    [url=http://www.woolrichitalystore.com/]woolrich italia[/url]
    [url=http://www.mywoolrich.com/]woolrich negozi[/url]
    [url=http://www.woolrichsitaly.com/]woolrich rosso[/url]
    [url=http://www.woolrichsalecheap.com/]woolrich modelli[/url]
    [url=http://www.woolrichitalyshop.com/]woolrich bologna[/url]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s