Mumbai

<!– @page { margin: 2cm } P { margin-bottom: 0.21cm }

–>

Após a “degustação exótica” que tive em Jaipur, era chegada a hora de dizer tchau e seguir em direção a um destino que há tempos eu esperava ansiosamente. Era chegada a hora de Mumbai.
Mumbai é a cidade mais importante da Índia. Possui uma população de aproximadamente 14 milhões de pessoas (portanto maior do que a cidade de São Paulo), a quarta maior região metropolitana (logo acima de São Paulo) e é a maior personificação da Índia moderna. A primeira vez que me senti visitando uma cidade em sentido estrito, uma cidade MESMO tal qual como estava acostumado a viver, foi em Mumbai. Não por acaso ela é conhecida como a capital financeira da Índia.
Bati poucas fotos de Mumbai. Choveu tanto nessa cidade sem-vergonha que nem deu ânimo pra bater foto…

Muitas pessoas podem, ao começar a ler o post, começar a se perguntar: “Mumbai, que cidade é essa? Engraçado, o nome dela é muito parecido com um nome de uma cidade indiana muito conhecida, Bombaim. Será que estou me confundindo?”. Não, caro amigo, você não está. Eu também tive o mesmo questionamento quando cheguei lá. Na verdade, por centenas de anos, o nome conhecido da cidade no Ocidente era mesmo Bombaim (com sílaba tônica no “i”). Isso ocorreu porque assim que os portugueses chegaram lá durante a era das grandes navegações, foi como eles entenderam o nome da cidade. Por muito tempo a possuiu dois nomes oficiais, mas recentemente decidiu adotar apenas o nome oficial nativo de Mumbai.
Mumbai é muito conhecida por ser a capital indiana do entretenimento. Tal cidade é conhecida como a “Hollywood indiana” e, devido a se chamar Bombaim há algum tempo atrás, recebeu o apelido de Bollywood. Acho que não preciso lembrar que o atual ganhador do Oscar de melhor filme foi um filme proveniente de Bollywood, né? Algumas pessoas me falaram por lá que Bollywood produz quatro vezes mais filmes que Hollywood, mas não sei até que ponto isso é verdade. Os indianos adoram ir a cinema e o que mais me chamou a atenção foi que, ao contrário do Brasil, os filmes indianos recebem papel de destaque nas salas de cinema. No Brasil, quando você vai ao cinema, pra cada oito ou nove enlatados americanos, há um ou dois filmes nacionais. Na Índia isso é completamente diferente. Os filmes americanos detém atenção marginal, enquanto os filmes de Bollywood são os mais assistidos e procurados por indianos. Infelizmente não puder ver nenhum filme no cinema que não fosse enlatado americano, os filmes de Bollywood são todos em Híndi e sem legendas em inglês, portanto, sem chance. Ainda vi alguns filmes indianos, mas apenas em DVD. Outra curiosidade é que um dos motivos da difusão da língua Hindi por toda a Índia, deve-se ao fato dos filmes de Bollywood, paixão e preferência nacional, serem nessa língua.
Slumdog Millionaire, ganhador de oito oscars! Direto de Bollywood para o mundo

Outro ponto que me fez adorar Mumbai foi que lá, quase que todo mundo fala inglês nas ruas, o que ajuda bastante. Não estou falando que os caras sabem falar aquele inglês do “How much” ou “How are you” não. Inglês, inglês mesmo, bem melhor do que qualquer um de nós. Por quê? Simples, inglês é a língua oficial do sistema de ensino da cidade e ponto final. Toda e qualquer criança que for para a escola em Mumbai terá as suas aulas em inglês, fazendo com inglês seja a língua nativa e usada por milhões de crianças. Só pra ilustrar bem a situação pra vocês, um dia acordei com o Mervim (o cara que tava me hospedando em Mumbai) e o primo dele jogando um jogo de tabuleiro indiano parecido com Damas. Fiquei impressionado como quando ao conversar entre eles, eles não utilizavam uma língua indiana qualquer como Tâmil ou Híndi. Eles conversavam inglês entre si.
Perguntei para eles o porquê daquilo, se eles falavam inglês entre si para treinar o inglês ou algo assim. Não, eles me responderam que conversam em inglês sempre porque é a língua nativa deles dois. Foi a primeira língua que eles aprenderam e portanto a mais fácil de falar. Já tinha escrito acerca desse fenômeno dos indianos que falam inglês como língua nativa nesse post aqui. Até expliquei como num post passado.
Agora, aguardem o próximo post sobre as presepadas de Mumbai. Prato cheio 🙂

11 comentários em “Mumbai

  1. É bom explicar porque está errado, daí:erá que ele vai amanhã? < << Esta é a forma correta...Usa-se o que < << conjunção subordinativa*1/2(*) 1) “Ligam orações dependentes a uma oração principal cujo sentido é incompleto. Serve para introduzir uma oração que funciona como sujeito, objeto direto, objeto indireto, predicativo, complemento nominal ou aposto de outra oração.”(*) 2) “Conjunção, na gramática, é uma classe de palavras invariáveis que serve para conectar orações, estabelecendo entre elas uma relação de dependência ou de simples coordenação.Alguns exemplos de conjunções são: portanto, logo, pois, como, mas, e, embora, porque, entretanto, nem, quando, ora, que, porém, todavia, quer, contudo, seja, conforme, etc.”O se indica condição, portanto é uma conjunção condicional.Não pode, portanto, ser usada naquela frase, pois a situação proposta na frase não trata de condição.Explicação gramatical:Será (está oculta a palavra “verdade”)Ficaria então assim: Será verdade?Será é verbo de ligação, portanto pede complemento verbal (não predicativo …)A oração seguinte é a pergunta em sie é uma oração chamada oração completiva nominal…Que ele vai amanhã?.

    Curtir

  2. Pow amigao, nessa frase aqui juro que quase li uma besteira que acabaria com sua masculinidade:“um dia acordei com o Mervim (o cara que tava me hospedando em Mumbaieu estava lendo:um dia acordei com o Mervim (o cara negao com quem estava dormindo em Muambai) Ler distraido sempre nos diverte

    Curtir

  3. êpa , este rapaz que esta corrigindo o Claudiomar é como se chama em Minas um peinha…. meu amigo se liga na cultura….. e em tudo que ele nos mostra e faz isso com todo carinho e dedicação….ele é um aventureiro e não professor de português…

    Curtir

  4. Só uma correção. Embora seja muito mais bacana acreditar que Hollywood se dobrou à Bollywood, esse filme na verdade é tecnicamente ocidental:“Slumdog Millionaire is a 2008 British film directed by Danny Boyle, written by Simon Beaufoy, and co-directed in India by Loveleen Tandan.”Por muito menos o Brasil já teria o seu Oscar com aquele “Beijo da Mulher Aranha” de 85.Ah, tome cuidado, o post da barata lá está por enquanto com 19 comments.

    Curtir

  5. Continuing from above, check the website to see should they possess a
    valid HTTP s secure certificate about the application page payday loans uk whether they did it alone or which has a team of folks,
    the point is because they achieved it.

    Curtir

  6. When you are looking for processing your car insurance coverage proper, it will pay that you
    realize that you can find certain coverages you are able to not omit bad credit loans no guarantor they
    are general information paydayloans no fax payday loans and now we don't share them for virtually any purpose.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s