Antália

Antália fica situada na província de mesmo nome, sendo a sua capital. É uma cidade consideravelmente antiga, provavelmente fundada no século II a.C. Acredita-se que ela foi fundada pelo imperador Attalos II, nomeando a mesma Attalia. Foi disputada por diversos povos devido a sua posição estratégica e, como boa cidade do Oriente Médio que é, pertenceu a diversos impérios diferentes no final ficando sob domínio turco.

Hoje possui uma população de aproximadamente 800.000 habitantes e é um dos principais pontos turísticos da Turquia. Russos por todos os lados com o bolso cheio de dinheiro fazem a cidade ser absurdamente cara.
Couch em Antalya
Rodoviária em Antália

Cara, a viagem até Antalya transcorreu normalmente. Engraçado foi quando cheguei à rodoviária.
Cara, olha que interessante isso. O ônibus que eu peguei de Istambul a Antália tinha internet wireless. Eu nunca tinha visto…

O cara que ia me hospedar já se encontrava lá me esperando. Ele era um pouco mais velho, tinha uns 45 anos, se chamava Mehmet, era turco e engenheiro-chefe de uma empresa ao lado da casa dele. Gente boa demais. Assim que eu fui descendo, ele foi me cumprimentando. Eu fui lá, ofereci minha mão a ele achando que ele ia me abraçar. Cê acha?? Naadaaaa… O cara veio pra me abraçar e PREU! ME TASCOU UM BEIJÃO NA BOCHECHA!! Eu confesso que achei meio estranho na hora, afinal, não é todo dia que um tiozão vem e é, digamos, tão carinhoso assim com você… Mas enfim, depois desse choque cultural tudo começou a ficar de boa…

Seguimos para sua casa e lá deixei minhas coisas. O Mehmet era indescritivelmente gente boa, falava inglês com dificuldade mas era extremamente gentil. Ele inclusive saiu do trabalho só pra ir me buscar. Deixou-me em casa e marcamos de sair apenas mais tarde.
Quando foi de noite ele foi me buscar em casa, saímos pra encontrar mais outros dois couchsurfers de Antália e fomos para um jantar. A única parte engraçada foi na hora de pagar a conta. Fomos comer em um restaurante meio caro e cada hora que descia um prato novo eu fazia as contas… E os caras não paravam de pedir comida! Eu me vi logo desesperado porque vi que minha grana de uma semana inteira iria embora. Na hora que veio a conta, veio junto o meu desespero. O desespero acabou ficando engraçado. Um dos turcos acabou aproveitando que o outro estava no banheiro e VLAPT pegou a conta na mão e, veja só, tirou a carteira pra já ir pagando.

Na hora o outro turco veio do banheiro e, olhando aquela cena, VOOU pra cima dele e queria tomar a conta da mão dele!! Os caras basicamente começaram A BRIGAR pra ver quem iria pagar a conta! Mas não no estilo brasileiro, no estilo turco! Um queria pagar a conta e o outro não queria deixar!! E foi nessa, os três brigando, quase saindo no tapa pra ver quem iria pagar e eu lá observando aquela cena. Logicamente eu também queria entrar na briga pra poder pagar a conta inteira sozinho, ou você acha que não? Eu só não me ofereci porque senão a briga iria ser maior. Hahahahaha…

Depois de um impasse, eles conseguiram entrar num consenso lá e pagaram a conta. Saímos pra poder dar uma volta na cidade. Detalhe, estávamos no Ramadã, o mês mais sagrado para os islâmicos no mundo inteiro. Só pra vocês terem uma ideia, em países como a Síria, durante o Ramadã os muçulmanos não consomem QUALQUER TIPO DE COISA entre o nascer do sol e o pôr-do-sol. Água também. Os caras não podem nem beber água durante o dia. Pois então, estávamos durante o Ramadã e eu só observando. Saímos pra comer pela tarde e os caras comeram, beberam e o caramba…

Depois fomos para, uma mesquita? Não! Fomos para um BAR!! E começamos a beber CERVEJA!! Em alguns países islâmicos bebidas alcoólicas são sequer permitidas, beber durante o Ramadã então seria algo tão herege como marcar um churrasco durante a semana santa (aquele período em que só podemos comer peixe) ou então, sei lá, sair no tapa com a vó durante a ceia de natal por causa de um pedaço de coxa de galinha…
Cartão postal de Antália.

E o bar CHEIO de gente!! Cara, eu comecei até a ficar sem graça de estar participando daquela heresia, sem saber o que fazer, fui lá e falei com o Mehmet:
– Ôw Mehmet, tipo… Você é muçulmano certo?
– Sim, Claudio, como todo bom turco…
– E… er… estamos no mês do Ramadã, certo?
– Sim!
– E tipo… Não seria meio errado a gente estar bebendo no Ramadã, cara?
Ele me olhou, deu uma risada e falou:
– Ah, brother! A Turquia é um país moderno! Quando você for à Síria você se preocupa com isso…
– Hauhauhueha. Então estamos conversados! Desce outra cerveja por favor…

4 comentários em “Antália

  1. O cara te lascou um beijo na bochecha, foi gentil e ainda pagou a conta, só pode estar apaixonado pelo latin lover maranhense! hahahaaha

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s