CHEGANDO AO AZERBAIJÃO. E, MANO, AZERBAIJÃO E ARMÊNIA, MUITA TRETA!

Como não podia deixar de ser em um país do Cáucaso, o Azerbaijão também tem seu malvado favorito. Se o da Geórgia e o da Ucrânia é a Rússia, o da Armênia os turcos,  o do Azerbaijão é.. a Armênia. Sim, Armênia e Azerbaijão são muita treta.

Tudo começou quando a União Soviética, sempre ela, delimitando o território de cada república sob seu domínio, deixou a República do Azerbaijão (notem, eles ainda não eram um estado independente) com um território onde havia maioria armênia, o Nagorno-Karabakh. Durante a época da União Soviética como todo mundo era o mesmo país, acabou que isso não foi um problema muito grande.

Porém, quando o Azerbaijão ficou independente, ele meio que começou a aterrorizar uns armênios desse seu território em uma tentativa de “azerbaijanizar” o seu território. Como os armênios não gostam muito dessa ideia de serem mortos como frango, eles pediram ajuda pro irmão mais velho (mais ou menos como o Chipre do Norte fez, conforme explico nesse post aqui). A Armênia, país, chegou de sola no Azerbaijão. Aí o jogo virou, a Armênia começou a expulsar os azeris de volta pro Azerbaijão e, de quebra, achou que seria uma ótima ideia aproveitar para  “armenizar” Nagorno-Karabakh. Começaram a sair matando azeris a rodo. O Azerbaijão ainda contou com um pouco de apoio dos turcos, mas não ajudou muito. Mas, assim, o negócio foi feio mesmo. De terem sido achadas covas coletivas e tudo.

Entre mortos e feridos, os azeris que viviam em solo Armênio mudaram para o Azerbaijão, os armênios que moravam no Azerbaijão mudaram para a Armênia e rusgas, ódios e rancores ficaram pelo caminho.

Me pareceu que a matança que os armênios promoveram foi maior e eles realmente começaram uma política de genocídio destruindo vilas inteiras e matando qualquer coisa que se mexesse por lá, de animal de estimação a senhora azeri idosa. Tudo bem que um armênio que morreu lá do outro lado do mundo no genocídio armênio na Turquia NÃO TEM NADA A VER com o armênio que saiu fazendo limpeza étnica nos azeris, mas isso serve para demonstrar que dificilmente na história de guerra temos um país bonzinho e outro diabólico.

No final Nagorno-Karabakh virou um “país independente” só reconhecido por, veja você, a Armênia (lembra alguma história? Sim, a Ossétia do Sul e a Geórgia, história que expliquei aqui).

Azerbaijão e Armênia continuam em guerra e vez ou outra morre um soldado de um dos lados.

Porque eu tou falando tudo isso? Bem, só para explicar que hoje qualquer pessoa que tenha PISADO em Nagorno-Karabakh tem a entrada proibida pelo resto da vida no Azerbaijão. Além de que, bem, teoricamente quem viajou à Armênia teria BASTANTE problemas em entrar no Azerbaijão, o que explico no post seguinte.20180620_18165820180620_18324120180620_19145620180620_19154320180620_19185120180620_19283120180620_193016

Gostou do post? Então curta nossa página no www.facebook.com/omundonumamochila para sempre receber atualizações.

Quer entrar em contato direto com o autor ou comprar um livro? Clique aqui e tenha acesso ao nosso formulário de contato!
Quer receber as atualizações direto no seu e-mail? Cadastre-se na nossa mala direta clicando na caixa “Quero Receber” na direita do blog
Se gostou das fotos, visite e siga nosso Instagram para sempre receber fotos e causos de viagens: www.instagram.com/omundonumamochila

2 comentários em “CHEGANDO AO AZERBAIJÃO. E, MANO, AZERBAIJÃO E ARMÊNIA, MUITA TRETA!

  1. Claudiomar gosta de lugares exóticos. Fikdik:
    Grécia (mehh?) – Turquia (passou do lado e nem visitou) e.. tananam: Curdistão iraquiano.

    São 3 países que brasileiro é VISA-FREE meu, e sim, Curdistão é autonomo e deixa passaporte brasileiro passar (sem precisar de visto do Iraque) DESDE que a chegada seja direto nos aeroportos de Erbil ou Sulaymaniyah. De fato não é aconselhavel atravesar fronteira por terra passando pelas terras que estavam na mão do Isis né. Mas o curdistão iraquiano em si é seguro e não foi atingido pela guerra.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s