Encontros inusitados

Esses dias eu tava reparando que quando eu sou reconhecido na rua, eu bato uma foto com a pessoa, prometo que vou publicar no blog e nada! Só depois de um tempo vendo e-mails passados que vou ver a profunda sacanagem que acabo fazendo com esse povo.

Galera, desculpa, não faço isso por mal, não. Mas é que às vezes as coisas acabam se acumulando e, quando vou ver, não fiz o post. Por essas e outras que resolvi fazer meio que um “pacotão” com as fotos de algumas pessoas que acabei encontrando nas ruas,prometi que ia postar e acabei não postando nada!

Em primeiro lugar vai uma história super-engraçada que acabou rolando esses dias por São Luís e eu acabei não colocando por aqui. Dois amigos meus estavam viajando por lá e foram tomar uma cerveja num dos barzinhos da Lagoa da Jansen. Eles tavam lá de boa e, eu não tenho a mínima ideia de como, começaram a conversar com uns caras de uma mesa do lado. Papo vai, papo vem, meus amigos falaram que moravam em Brasília e que estavam apenas dando uma volta por São Luís. Foi quando o figura da outra mesa falou que ainda não tinha visitado Brasília, mas conhecia um cara que morava por lá, mas era maranhense e tinha um blog muito legal. Sim, acho que vocês já deduziram o que aconteceu! Dois amigos meus de Brasília, em São Luís, conheceram um cara (Anderson), que também viajava por São Luís, em um bar na Lagoa da Jansen e perceberam que falaram da mesma pessoa!! Na hora um dos meus amigos me ligou aqui em Brasília e botou o Anderson pra falar comigo no celular! Eu achei isso muito engraçado! Já aconteceu comigo, como já postei no blog, que algumas pessoas me abordaram no meio da rua e me reconheceram. Agora, amigos meus, conhecendo caras que lêem meu blog foi realmente engraçado!! Depois desse leriado todo, o Anderson até deixou um comentário pra mim no blog:

“Cara aqui e o Anderson que em são Luis lahh no calhau na lagoa do jansen que falou contigo quando ele(o bruno)ligou. o bruno e o outro cara lahh de brasília um com cara de regueiro mas que de maconheiro não tem nada.

já o bruno…

sem comentarios.

hauahuahua

maluco me add ai no orkut cara que eu queria muito bater um papo c vc.

mas relaxa que nao e p te cantar nao.rs.

Engraçado essa.”

Outra que ocorreu comigo foi quando eu estava em um barzinho com amigos e um cidadão me abordou falando que lia meu blog. O nome dele era Maurício (viu, Maurício? Eu lembrei!) e o bicho disse que fazia Direito na UnB. Tirei uma foto com o bicho prometendo colocá-la no blog depois. Até aí tudo bem. Rapaz… Quando foi uns três dias depois… Vocês nem sabem! Fui pra um happy-hour da UnB com uns amigos e quem eu encontro por lá? Olha só, ele mesmo! Maurício! Mais louco que o Robocop na chuva! Rapaz, o bicho chega passava era de cinco em cinco minutos falando: – Esse aqui é o Claudiomar! O bicho tem um blog muito legal!! Passava dois minutos e vinha ele caindo por cima de mim e falando de novo: Esse aqui é o Claudiomar, ele é muito legal!! Hahaha. O mlk era muito engraçado. Vai a foto do figura (sóbrio) aí pra vocês verem!

E por último tem uma foto que eu tirei com o Rafael numa festa de alguns amigos diplomatas daqui de Brasília. Faz MUIIITO tempo que eu bati essa foto com esse cara e também tinha esquecido de publicá-la aqui no blog.

Gente, fui só eu ou mais pessoas repararam que até agora só macho me parou pra bater foto comigo? Qual é, meninas? Cadê vocês? Não é possível que só macho leia meu blog!

Post de utilidade pública

Galera, eu não sei quantos de vocês lêem quando escrevo acerca dos “abordes” que ocorrem comigo vez ou outra andando pelas ruas de Brasília ou até aí pelo mundo. Esses dias, pouco tempo após eu ter chegado em Brasília, um brother, que além de tudo era maranhense, me parou no meio da rua dizendo que lia meu blog. Batemos uma foto que postei no blog há algum tempo atrás.
Eu e Fernando no bar Pôr-do-Sol

Qual não foi a minha surpresa, a caminho das salas de estudos pra onde me dirigia com o intuito de estudar pra meu concurso, quando mais uma vez me deparei com o Fernando na Biblioteca Central da UnB. Conversamos por um tempo e ele pediu que eu fizesse uma pequena homenagem a uma, digamos, “pessoa mais próxima” dele. Ele me explicou que havia conhecido meu blog através dela e por muito tempo esse foi o assunto entre os dois. Hoje eles, segundo as próprias palavras do Fernando, eles “tem algo mais”. Trocando em miúdos, o blog http://www.omundonumamochila.com agora, além de site de informação e diversão, também tem o seu quê de site romântico, quase um “yahoo encontros” ou “namorou ou amizade”.
Enfim, ele pediu pra eu postar uma mensagem dele pra ela:
‘Bebê, não importa se são amores ou amoras, se vamos pra Ribamar ou pra Chapada (com ou sem doce de leite…), se vamos ficar juntos amanhã ou só daqui a 10 anos….pouco importa…
O que importa de verdade é que o mundo é redondo e foi feito para se girar (como diriam “as meninas”)…heheheh
Ele já girou uma vez…você ainda duvida que ele pode girar de novo?
Beijo, Lora.”
Agora, a melhor parte não é nem essa, a melhor parte é que eu encontrei esse cara há UM MÊS E MEIO ATRÁS. Logo, sabe como são esses relacionamentos hoje em dia, né? Começam e acabam com uma velocidade impressionante. Espero que esteja tudo certo entre eles, pois senão uma mensagem que era pra ser fofinha vai acabar se tornando uma péssima recordação. Hehehehhe
Fernando, ficam aí meus votos de sucesso e os meus mais sinceros pedidos de desculpas por ter demorado tanto tempo pra postar. Foi mal, cara, mas essa vida de concurso deixou minha vida de pernas pro ar e eu acabei esquecendo teu e-mail.
Amanhã tem post novo, galera.
Claudiomar
P.s: Sério, eu tou me sentindo aqueles caras que ficam nas rádios de roda gigante ou festa junina: “Alow, Mariazinha!! Joãozinho manda um beijo pra você e te espera ali atrás da Igreja!!” hehehehe

Twitter no blog

Galera, atendendo à sugestão do meu grande amigo Leo Durans, fiz um Twitter do blog.

Ele está aí ao lado e postarei diariamente acerca do blog. Acho que assim a galera fica mais inteirada e menos perdida acerca dos novos posts.

Me adicionem aí “claudiomarr”

Abraços maranhenses

Sem internet

Galera… vim aqui só pra avisar aos leitores que ainda estou vivo…

Cometemos uma vacilo aqui em casa e esquecemos de pagar a internet, logo a mesma foi cortada 😛

Só estou conseguindo fazer este post neste exato momento porque consigo roubar um pouco da internet de alguns dos meus vizinhos, mas o sinal está MUITO fraco…

Em um ou dois dias a situação estará normalizada.

Enquanto isso, tava pensando em combinar com o Thiagones de reunir a galera que lê o blog pra gente ir tomar umas cervejas no sábado agora. Tem alguém interessado em aparecer? Nos encontraremos no bar “por-do-sol” (408 Norte), provavelmente no sábado, em horário a definir ainda. Quem estiver interessado e quiser comparecer pra conversar sobre detalhes da viagem, bater um papo ou apenas ouvir sobre presepadas e outras histórias mais que não posso publicar por aqui, me dá um ligada. Meu telefone é 913 4914. Só não liguem das 19h às 22:30, porque estarei em aula 😛

Espero que pelo menos uma pessoa me ligue, hahahaha…

Abraços maranhenses

Post de ontem

Galera, desculpa por não ter postado ontem, mas é que saiu o resultado de um concurso que eu havia feito há um tempo atrás e, olha só, fui aprovado 🙂

Como não dava pra ficar em casa, resolvi sair pra comemorar com uns brothers no pôr-do-sol e por isso não deu pra terminar o post 🙂

Mas enquanto estive lá tive uma grata surpresa. Um transeunte chamou minha atenção e se identificou como Fernando, maranhense radicado em Brasília que também lê meu blog. Gente boa demais o cara. Batemos uma foto que eu prometi postar no blog como estou fazendo agora. Depois de dessa me senti tão famoso quanto o Luis Fernando Veríssimo, heheheh.


Não foi como um post passado, mas foi uma grata surpresa!!

Abraços maranhenses

P.s: Galera, tou indo almoçar agora com a Taíze, quando voltar posto sobre minha volta Vasórvia.

Contos em Veneza

Cara, tem umas coisas que contando acho que ninguém nem acredita.

Estava pelas minhas andanças pela Itália, em Veneza. Depois de algumas horas caminhando resolvi descansar em uma praça. Do nada, alguém começa a chamar meu nome: Claudio, Claudio!!
Eu virei pra ver quem era e vi um cabra feio danado me chamando. Como não era nenhuma tcheca ardente ou sueca quente e não reconheci o cara, virei de costas e continuei caminhando à procura de um banco pra sentar. Pô, Claudio é um nome MUITO comum na Itália, se pá ele tava chamando outro cara.
Quando menos espanto o cara gritou em português:
– É tu mesmo, cara! Maranhense, chega aí!!
Diabo doido, que diabo é isso? Um cara no meio de uma praça em VENEZA me conhecia!! E o melhor, sabia que eu ainda era MARANHENSE!!! O cara ter me chamado por “maranhense” realmente me intrigou!! Fiquei impressionado que só o diabo!! Pensei que fosse alguém que tivesse conhecido pelo caminho e fui falar com ele. No caminho fui tentando reconhecê-lo, mas brother, de maneira nenhuma eu reconhecia o cara.
Fui lá e comecei a conversar com o figura e ele chamou o outro amigo dele que também tava por lá pra gente conversar:
– Chega aí, Henrique. Olha quem eu achei aqui! Claudiomar, o cara que escreve aquele blog “omundonumamochila.com”.
!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
– Ãhn?!?!?!? Como assim!?!?!?!? Vocês me conhecem por causa do blog?!?!?!
– Sim, a gente não se conhece pessoalmente não! Te reconheci pelo teu blog! Tem um grande amigo meu, o Quenio, que adora o teu blog e botou a gente pra ler! A gente mora em Salamanca e veio aqui pra Veneza pra visitar! Sabia que tu estavas aqui pela Europa e te reconheci!!!
!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Cara, dá pra acreditar nisso, brother??? Mermão, eu me senti famoso DEMAIS depois dessa!! hahaha. Pombas, já é uma coincidência do caramba quando encontro algum amigo de São Luís caminhando do nada em Brasília! Agora imagina um leitor do blog, que nunca tinha me visto, me encontrando no MEIO de Veneza?? Ah sim, o nome do cabra feio que gritou “maranhense” na praia era MARCOS PAULO (hehehe, desculpa, galera, tinha esquecido de por o nome dele e ele reclamou na sessa de comentarios!! Foi mal, Joao Paulo!!)
Hahahaha. A gente ficou logo amigo e saímos pela Veneza batendo fotos e conversando. Nao vou escrever mais sobre Veneza porque senao vai estragar o post que pretendo fazer posteriormente. Tou postando agora porque eles pediram e porque domingo passado era aniversario do Kenio. Eu ia ate postar domingo, mas fui pra Eslovaquia, deixei meu pc aqui em Viena e esqueci as fotos e os videos no pc, por isso tou postando so agora!!


Eu e o Henrique em Veneza

Quando foi no final do dia, eles foram pegar o trem deles e me pediram pra fazer eu fazer um autógrafo pro Quenio. Na hora, autógrafo feito e filmagem colocada no youtube!!!

Mermão, eu fiquei muito impressionado com essa parada!! Vou te dizer…

Abracos maranhenses

Gostou do post? Então curta nossa página no www.facebook.com/omundonumamochila para sempre receber atualizações.
Quer entrar em contato direto com o autor ou comprar um livro? Clique aqui e tenha acesso ao nosso formulário de contato!
Quer receber as atualizações direto no seu e-mail? Cadastre-se na nossa mala direta clicando na caixa “Quero Receber” na direita do blog
Se gostou das fotos, visite e siga nosso Instagram para sempre receber fotos e causos de viagens: www.instagram.com/omundonumamochila